Aê, finalmente parece que fecharam a programação dos debates no Espaço Cultural CPFL!!! Demorou, e o teatro infantil só começa em maio... bom, neste módulo será discutido a relação entre consumo e identidade, com Hélio Mattar como curador, presidente do Instituto Akatu. Aproveite, é grátis!

Todas as terças-feiras, às 19h



"Como será o consumo em um modelo de civilização sustentável, que permita atender às necessidades da atual população sem comprometer as gerações futuras?

O modelo e o padrão de consumo hoje são insustentáveis, tanto no aspecto ambiental como no social e no econômico. Os 6,7 bilhões de habitantes do planeta já consomem mais recursos do que a Terra é capaz de repor. Examinar o perfil mundial do acesso ao mercado, entretanto, é ver o retrato da injustiça: enquanto algumas pessoas têm demais, cerca de 30% da população mundial não consegue nem o básico para viver, pois está abaixo da linha da pobreza. Do ponto de vista econômico, o crescimento baseado no excesso de consumo, como aconteceu nos Estados Unidos nos anos precedentes à crise iniciada em 2008, revela-se um pilar frágil demais para durar muito tempo.

O consumo, por outro lado, tem um papel fundamental nas relações sociais. Hoje, na cultura globalizada, o consumo é um elemento formador da identidade. O modelo valorizado, porém, é insustentável: baseia-se na acumulação, no excesso, na obsolescência programada, na posse em detrimento do uso. Como seria a relação entre consumo e identidade numa sociedade sustentável? Como enfrentar o desafio de passar do fóssil para o renovável, do individual para o compartilhado, do material para o virtual? É possível que os objetos de consumo percam o caráter de expressão individual para serem adquiridos em função do bem-estar coletivo?

O módulo se inicia com uma palestra que discute os fundamentos da sociedade de consumo e reflete sobre a possibilidade de um consumo que leva em conta a sustentabilidade. A segunda palestra fala sobre o papel do consumidor na transição de uma sociedade insustentável – baseada na queima de combustíveis fósseis – para uma sociedade sustentável, que terá de encontrar outras maneiras de produzir energia para mover seu estilo de vida.

A terceira palestra contará com dois palestrantes para debater a sociedade em rede, a mudança e o poder dos indivíduos. A última palestra refletirá sobre o processo de transformação para a sociedade imaterial e qual o impacto que isso terá nos indivíduos e consumidores
".


Helio Mattar
"É diretor-presidente do Instituto Akatu pelo Consumo Consciente, do qual é idealizador e co-fundador. Foi Secretário de Desenvolvimento da Produção do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e diretor-presidente da Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente. Executivo durante 22 anos em empresas nacionais e multinacionais, bem como em suas próprias empresas, é também co-fundador e membro do Conselho do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social".

0 opinaram

Postar um comentário

Siga o CultCPS!


          RSS    

Últimas do Twitter


Últimos comentários


Tetê-a-Tetê Digital!

Crítica, sugestões, pitacos, imprensa, colaborações, dicas culturais, releases e afins, nos contate pelo e-mail cultcps@gmail.com

Arquivo do blog

Visitando agora