Café Filosófico da CPFL

Postado por Thiago terça-feira, 28 de setembro de 2010

Na próxima sexta fecha-se o módulo de setembro "O cuidado com o relacionamento pessoal", de curadoria de Renato Janine, e começa o próximo, intitulado "Rockfilosofia", de Marcia Tiburi e Fernando Chuí.

Todas as sextas às 19h, grátis!

1/outubro - O cuidado com o outro tem de seguir regras? – Gloria Kalil
Muitas pessoas pensam que a etiqueta – tão útil para melhorar o convívio social – é apenas um conjunto de regras prontas. Mas, na verdade, ela nasce de uma simpatia com o próximo, que é mais importante do que qualquer formalidade. Só entende a etiqueta quem sente esse respeito pelo outro. Superar o formalismo nas relações humanas é decisivo para construir o cuidado na convivência.

8/outubro - Rock and Roll – A invenção da adolescência entre a indústria e a angústia cultural: Chuck Berry e Elvis Presley – Marcia Tiburi e Fernando Chuí
O Rock and Roll é uma criação do século XX. Com raízes no blues elétrico, dificilmente teria surgido sem a cultura tecnológica e sem a indústria cultural. Nasceu como expressão artística da tecnologia, também como voz da juventude do pós-guerra, como clamor por renovação, e logo se tornou manifestação de crítica a qualquer forma de conservadorismo.

15/outubro - Para uma metafísica do rock: Bob Dylan, Frank Zappa e Gilles Deleuze – Fernando Chuí e Daniel Lins
Qual o interesse da filosofia pelo rock? A música como expressão estética, desde Platão, é objeto da filosofia. Mas as relações não são somente de ordem estética. Mais recentemente, por exemplo, qual era a fascinação de alguns roqueiros por Deleuze? Ou o dele pelo rock? O filósofo participou de gravações de grupos de rock, e usou letras de Bob Dylan para pensar sua filosofia. Há no rock algo que excede uma simples expressão artística e constitui uma potencialidade autocriativa, capaz de dar ordem aos sentidos e à verdade, em permanente devir. Algo como uma metafísica dos fluxos: órfã, errante.

22/outubro - Rolling Stones e as filosofias do sagrado – Márcia Tiburi e Nelson Motta
Serão discutidos temas como a mística negativa, a profanação, o hedonismo do corpo, o cinismo, as liberdades do gozo corporal e a perversão, analisados à luz de obras de Georges Bataille, de Sigmund Freud e de Herbert Marcuse.

29/outubro - Rock and Roll e as Drogas: Psicodelia, Beatles e Jimi Hendrix – Fernando Chuí e Hamer Palhares
É difícil imaginar a história do rock sem a sua expressiva ligação com a história das drogas. No final dos anos sessenta, a experiência lisérgica das drogas estava aliada à invenção de uma cultura de libertação estética e moral. The Beatles e Jimi Hendrix trouxeram em suas músicas a expressão dessa cultura, e suas obras servirão de motivo para o diálogo acerca do tema entre o músico Fernando Chuí e o psiquiatra Dr. Hamer Palhares, especialista em dependência química.

0 opinaram

Postar um comentário

Siga o CultCPS!


          RSS    

Últimas do Twitter


Últimos comentários


Tetê-a-Tetê Digital!

Crítica, sugestões, pitacos, imprensa, colaborações, dicas culturais, releases e afins, nos contate pelo e-mail cultcps@gmail.com

Arquivo do blog

Visitando agora