Cineclube MIS: Brasil nas Telas: Piauí!

Postado por Thaiza quarta-feira, 4 de maio de 2011

Nesse final de semana, dando seguimento ao ciclo Brasil nas Telas: A primeira década do século XXI, o MIS exibe dois filmes do cineasta Douglas Machado, que inaugurou o longa-metragem no Estado do Piauí e teve inclusive um filme selecionado pelo programa DOC TV III. 

A curadoria é de Cleber Moura Fé, a entrada é gratuita e com direito a debates!


6/5 (sex) às 19h: Um Corpo Subterrâneo (2007, 83') Uma crítica aqui
Direção, produção, roteiro e fotografia – Douglas Machado
Assistência de direção e fotógrafa de still – Cássia Moura
Direção de produção e logística - Gardênia Cury
Trilha sonora – Sérgio Matos
Edição - E. Braga e Douglas Machado
Edição de som – Danilo Carvalho
Supervisão técnica de edição – Regis Pires
Realização – Trinca Filmes

Sinopse: A espinha dorsal do filme é uma viagem – via terrestre – do extremo norte ao extremo sul do Piauí. O ponto de partida é uma vila de pescadores de nome Barrinha [município de Barra Grande – litoral piauiense] e o de chegada a cidade de Gilbués [sul do Piauí]. Ao longo deste trajeto [no estilo road-movie], o documentário percorre as cidades de Piripiri, Teresina, Amarante, Oeiras e São Raimundo Nonato.
Vale ressaltar, contudo, que é no “cemitério” de cada uma dessas cidades que as gravações começam. Este ponto de confluência, em verdade, é o elo entre o espectador e a personagem que conta sua história [usando a Certidão de Nascimento de quem faleceu como um dos objetos centrais da estrutura narrativa]. O cemitério entra como o local determinante tanto na escolha de quem iremos encontrar [no caso, a família do último falecido a ser enterrado] quanto no diálogo que se estabelece com o espectador, de como esta família guarda sua memória audiovisual em relação ao ente querido que partiu. O documentário foi produzido com recursos do programa DOC TV III, junto com outros 35 documentários, selecionados entre 859 projetos inscritos para o programa em todo o país

Imagem de Cipriano (2001), considerado o primeiro longa- metragem do Estado de Piauí.
 7/5 (sáb) às 16h: O Retorno do Filho- Alberto da Costa e Silva (2009, 52')
Escrito, fotografado e dirigido por Douglas Machado
Produtora: Gardênia Cury
Edição: Douglas Machado e Jean Marcelo
Trilha sonora: Sérgio Matos
Artista gráfico: Gabriel Archanjo
Empresa produtora: Trinca Filmes
Realização: Governo do Estado do Piauí / TV Antares
Co-produção: TV Antares/Trinca Filmes/Douglas Machado
Apoio: Fundação Cultural do Piauí/Coordenadoria de Comunicação Social/ABD Piauí

Sinopse: O eixo central  de O Retorno do Filho é uma viagem de regresso ao Piauí, feita pelo hoje também poeta, além de historiador, diplomata e membro da Academia Brasileira de Letras, Alberto da Costa e Silva. Uma viagem que começa no Rio de Janeiro, onde ele vive atualmente, e segue rumo a Amarante, cerca de 200 km ao sul de Teresina. Amarante é o lugar onde nasceu o seu pai, Antônio Francisco da Costa e Silva (1885 - 1950), conhecido como Da Costa e Silva - um dos poetas piauienses mais afinados com a sensibilidade popular. A visão empregada neste documentário bifurca-se no retorno do filho ao solo do pai e no encontro deste filho com o povo que neste solo habita. O filme Filho se afasta de uma postura tradicional, cujas ações determinariam as seqüências a serem gravadas, e comporta-se como um observador da realidade desta viagem. Tampouco o documentário seria uma exaltação ao filho que retorna. A proposta é mais centrada num exercício de sutilezas, na descoberta de uma viagem imaginária de Alberto da Costa e Silva com o próprio pai. É uma busca de revelar o olhar que se cruza: o filho que retorna e a presença da memória do pai.

Para conhecer um pouco mais sobre o diretor:


Endereço: Museu da Imagem e do Som de Campinas- Palácio dos Azulejos/ Rua Regente Feijó, 859- Centro, Campinas.

0 opinaram

Postar um comentário

Siga o CultCPS!


          RSS    

Últimas do Twitter


Últimos comentários


Tetê-a-Tetê Digital!

Crítica, sugestões, pitacos, imprensa, colaborações, dicas culturais, releases e afins, nos contate pelo e-mail cultcps@gmail.com

Arquivo do blog

Visitando agora