Mostra "Repertórios do Corpo" no SESC

Postado por Thiago sexta-feira, 1 de abril de 2011




Espetáculos e oficina com o ator Eduardo Okamoto, Bacharel em Artes Cênicas, Mestre e Doutor em Artes pela Unicamp. "A mostra sintetiza o resultado de mais de uma década de pesquisa na chamada dramaturgia de ator – modalidade de criação teatral fundada na organização de repertórios físico-vocais do atuante." Pesquisador e ganhador de prêmios, eu já dei uma bela puxada de saco do espetáculo "Eldorado", então não precisa dizer que essa mostra é imperdível lá no SESC:









6/abril - 19h - Lançamento do Livro "Hora de Nossa Hora" - grátis!
A publicação descreve e analisa a fundação do projeto “Gepeto – Transformando Sonhos em realidade”, em que o ator participou junto aONG ACADEC – Ação Artística para o Desenvolvimento Comunitário. Relata a aplicação do circo na educação não-formal de meninos de rua e as especificidades do projeto: uma oficina de circo sem equipamentos circenses, com uso de materiais alternativos, como sucata. Analisa obstáculos pessoais, institucionais e sociais do trabalho, faz estudo de casos (a oficina na vida de seus participantes), descreve atividades e aponta indicadores de avaliação. Por fim,ainda descreve como a experiência foi sintetizada no espetáculo “Agora e na Hora de Nossa Hora“. Foyer do Teatro.

6/abril - 20h - Uma Estória Abesonhada - $12 (inteira)
Encena o conto “A Praça dos Deuses”, do escritor moçambicano Mia Couto. Em seu enredo, que se passa em 1926, o rico comerciante Mohamed Pangi Pathel despende sua fortuna para festejar, em praça pública, o matrimonio de seu único filho.

7/abril - 20h - Eldorado - $12 (inteira)
Acompanhado por uma “Menina”, um cego busca encontrar o que nenhum homem pôde jamais: Eldorado. Toda estória se resume nisto: era uma vez um homem que procura. Por sua atuação em “Eldorado”, Eduardo Okamoto foi indicado ao Prêmio Shell de Melhor Ator 2009

8/abril - 20h - Chuva Pasmada - $12 (inteira)
Encena o conto homônimo do escritor moçambicano Mia Couto. Indecisa entre céu e terra, a chuva não cai: uma chuvinha suspensa, leve pasmada, aérea. Ninguém se recordava de um tal acontecimento. Aquele lugar poderia estar sofrendo maldição. “Chuva Pasmada” é realizado em parceria de Eduardo Okamoto e Alice Possani, do Grupo Matula Teatro. Teatro SESC Campinas.

9/abril - 13h às 17h - Oficina Dramaturgia do Corpo - $20 (inteira)
A oficina apresenta a criação teatral a partir do corpo do ator, em ação. Apresenta estímulos para a dramaturgia de ator: treinamento psicofísico; criação de repertórios físico-vocais; a ação como material; seleção e combinação de materiais. Os exercícios apresentados durante o trabalho procuram sintetizar procedimentos utilizados por Eduardo Okamoto na criação dos espetáculos “Agora e na hora de nossa hora” e “Eldorado”.

9/abril - 20h - Agora e na Hora de Nossa Hora - $12 (inteira)
Pedrinha é um sobrevivente da Chacina da Candelária: escondido sobre a banca de jornal, ele assistiu ao assassinato de oito meninos de rua. Ao narrar os acontecimentos da madrugada, coloca no centro da cena a “cidade invisível”, que o mundo ignora, noite e dia. Por sua atuação, Eduardo Okamoto recebeu diversos prêmios, incluindo o de Melhor Interpretação Masculina, no Festival Internacional de Agadir, no Marrocos. 


0 opinaram

Postar um comentário

Siga o CultCPS!


          RSS    

Últimas do Twitter


Últimos comentários


Tetê-a-Tetê Digital!

Crítica, sugestões, pitacos, imprensa, colaborações, dicas culturais, releases e afins, nos contate pelo e-mail cultcps@gmail.com

Arquivo do blog

Visitando agora